Meditação, Mindfulness e Autocompaixão

Webinar Mindfulness e Sociedade Cansaço

Webinar Gratuito Online Mindfulness Mindfulness – Antídoto da Sociedade do Cansaço

MBSR mindfulness resiliência redução ansiedade stress

?  Data: 20/11/2022, 21:00h – 22:00h

?  Local: Online, no Zoom e Live no Instagram @compassiva.mente

?  Tema: Mindfulness – Antídoto da Sociedade do Cansaço

 

Dados de Acesso no Zoom (entre na sessão 5 minutos antes da hora):

https://us02web.zoom.us/j/84439119032?pwd=TW01aEQwQjdiOTFlMzlia01tTXQvUT09

ID da reunião: 844 3911 9032
Senha de acesso: 829962

 

A participação no webinar é aberta a todos e gratuita. Este webinar pretende ser uma acção de divulgação gratuita e não propriamente uma acção de formação. Como tal, não serão emitidos certificados de participação ou vouchers.

Descrição

Nestes tempos de grande desafio e incerteza, muitos de nós têm vindo a sentir um grande desgaste físico e psicoemocional. Primeiro, dois anos de pandemia sanitária vieram alterar os nossos hábitos, vieram dificultar o encontro e o contacto físico, mantendo-nos num constante estado de alerta. Depois a conjuntura civilizacional, a guerra, a crise energética e ambiental, a inflação e a incerteza com o futuro a trazerem novos fatores de stress externo e prolongado.

Tem vindo a surgir uma segunda pandemia, esta relacionada com sintomas diversos de ansiedade generalizada, bem como o cansaço e a exaustão extrema (burnout).

Segundo o filósofo germano-coreano Byung-Chul Han, cada época da humanidade foi marcada por uma determinada patologia. Houve uma longa época bacteriana que durou até à descoberta da penicilina, depois houve uma época viral que foi mais ou menos ultrapassada por técnicas imunológicas. A patologia do nosso século é sobretudo neuronal. A depressão, o burnout, a ansiedade, o stress, a hiperactividade e o défice de atenção são agora os nossos carrascos silenciosos. Segundo este filósofo, o Ocidente está a tornar-se numa Sociedade do Cansaço.

Neste pequeno webinar falarei brevemente acerca de mindfulness e como cultivar mindfulness. A proposta é a de que esta forma revolucionária de nos relacionarmos com a vida e connosco, é um possível antídoto para o “mal dos tempos atuais” – a dificuldade em parar e contemplar.

Compartilhar

Subscreva a nossa newsletter

INTRODUZA O SEU EMAIL E ESTEJA SEMPRE A PAR DAS NOVIDADES

Por um mundo mais compassivo. mindfulness, autocompaixão

@compassivamente 2024